Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

Por Marco Monteiro, colaborador jornalisando.

Para uma notícia ser publicada, ela deve ser investigada pelo jornalista até esgotar a última gota de dúvida e apresentar todas as evidências, caso contrário, no mundo do jornalismo, uma notícia repassada sem a devida investigação é chamada de BARRIGADA. Uma notícia publicada de forma errada, pode causar problemas sérios para alguém, tanto para quem a publicou como para a pessoa que está sendo acusada. O leitor é o consumidor do produto. Ele acredita no que lê. Para o leitor (internauta), uma notícia publicada é uma verdade inquestionável, mesmo que esta notícia seja apócrifa.

A publicidade tem como principal tarefa vender um produto a qualquer custo, mesmo que seja um produto velho, o publicitário troca o rótulo e o vendo como se fosse novo.

O Facebook é um produto, logo, convencer os consumidos que é importante ter uma conta no Facebook, é o papel do publicitário, e acredite, ele vai usar de todos os meios possíveis e impossíveis para vender a imagem deste produto como algo que é indispensável para a sua vida.

Os sites de relacionamentos, como produtos, precisam serem consumidos por todos, por causa disso, inúmeras reportagens e artigos, envolvendo opiniões de psiquiatras e psicólogos, são postados diariamente em forma de artigos científicos, para iludir e forçar as pessoas a abrirem uma conta no google e terem um Facebook.

A seguir, faremos uma rápida análise sobre as contradições e os meios que os publicitários usam para convencerem as pessoas a terem um Facebook.

/// MANCHETE DE UM ARTIGO SOBRE O FACEBOOK ///

"Não ter perfil no Facebook pode ser sinal de 'psicopatia', afirmam psiquiatras"

"O Facebook tem mais de 955 milhões de usuários; pode soar um pouco esquisito se você não faz parte de um deles. A revista on-line britânica Daily Mail, afirmou em uma publicação que psiquiatras e recrutadores (RH), acham estranho alguém não estar na rede social. Já a revista alemã Der Taggspieget foi mais longe e declarou que estas pessoas são suspeitas de serem psicopatas.

Hoje em dia, “anormal” é quem não tem a conta na rede social. Alguns recrutadores relacionam a ausência de perfil com o fato de nele haver tanto material ofensivo que ele teve que ser deletado. Segundo o gigante de mídias sociais Mashable, 90% dos recrutadores (RH) olham os perfis on-line dos candidatos que vão entrevistar.

Os psicólogos enxergam o uso do Facebook como o reflexo de uma vida social saudável. “A Internet tem se tornado uma parte natural de nossas vidas. É provável que você seja visto como uma pessoa saudável ao interagir on-line com seus amigos”, afirma o psiquiatra Christopher Moeller à revista alemã."

Ser deletado do Facebook de alguém gera sofrimento, revela pesquisa

"A publicação germânica argumentou com os casos do assassino da sala de cinema em que passava o Batman, em Aurora, nos Estados Unidos, chamado James Holmes e do atirador que causou um massacre na Noruega, Andrés Behring Breivik. Ambos não têm perfil no Facebook. Os dois psicopatas tinham perfis em redes sociais consideradas mais “obscuras” pela publicação, como MySpace e Adult Friend Finder."

Você acha estranho alguém que não estar no Facebook? Você acredita que a rede social está relacionada com a saúde mental das pessoas? Dê sua opinião nos comentários abaixo.

Eu, por exemplo, como jornalista e professor, não tenho tempo para ficar lendo e vendo postagens improdutivas para mim, e para o meu trabalho. Então, por causa disto eu sou um desequilibrado mental se eu não tiver um Facebook?

Enfim, todo que eu publico no Facebook, são textos que julgo serem de interesse comum. Os textos são escritos por mim depois de serem colhidas as devidas evidências e terem passado por uma avaliação investigativa criteriosa. Quem conseguiu chegar até este ponto do artigo, parabéns. Continuem cautelosos ao lerem textos e verem fotos postadas, pois por mais que um ato pareça ser uma verdade, tenha muito cuidado, pois por trás de uma verdade existe sempre outra realidade. Por estes e outros motivos, repito, cuidado ao compartilharem fotos e notícias, você pode está executando algum inocente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]