Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

A diretoria do Vitória ainda não desistiu da contratação do atacante Herrera e está perto de anunciar o meia Escudero. Os argentinos seriam as últimas contratações do Rubro-negro visando Copa do Nordeste e Campeonato Baiano. Entretanto, as negociações são distintas. Enquanto um deve fechar nos próximos dias, o outro diz que sequer foi procurado pelo clube.

Herrera, ex-Corinthians e Botafogo, atualmente defende o Emirates Club, dos Emirados Árabes Unidos, e já trabalhou com o técnico Caio Júnior. O próprio treinador disse que o Vitória estava perto de um acerto para contratá-lo, mas foi desmentido pelo empresário do atleta e em nota publicada no site oficial do argentino. Procurado pelo iBahia Esportes, o presidente Alexi Portela tentou explicar o mal-entendido. "Estamos negociando diretamente com o clube (Emirates Club). Acredito que em dez dias tenhamos um desfecho", afirmou, crente no acerto.

Na terça-feira (15), o empresário Walter Cirne, que cuida da carreira do atleta, negou a existência de conversas. "Não existe chance do Herrera retornar ao futebol brasileiro. Aliás, existe. Pagando o mesmo valor que eles pagaram ao Botafogo em julho. Se o Vitória está querendo ele, está conversando com alguém, falou com outra pessoa. Comigo e com o jogador não chegou nada. O Herrera está muito satisfeito lá, tem jogado bem e o Emirates Club não pensa em perdê-lo de nenhuma maneira", garantiu ao Lancenet!.

Já o site oficial do atleta publicou comunicado nesta quarta. "A assessoria do jogador Herrera vem informar que referente as notícias divulgadas na imprensa nos últimos dias não existe nenhum tipo de negociação com o atleta e que ninguém foi procurado. Herrera está muito feliz por vestir as cores do Emirates Club, pretende cumprir seu contrato e sua família (está) adaptada ao país".

Escudero
Se a vinda do atacante Herrera parece complicada, o mesmo não se pode dizer das conversas com o meia Escudero, ex-Grêmio e que vestiu a camisa do Atlético-MG em 2012. "Essa negociação está bem mais adiantada", garantiu Portela. A ideia do presidente rubro-negro é fechar o ciclo de contratações com o anúncio dos dois atletas argentinos. "Não digo no primeiro semestre, mas pelo menos até o Brasileiro. Antes, só se aparecer coisa excepcional. Não estamos mais pensando em jogadores estrangeiros, mas brasileiros mesmos", afirmou.

Torcida Confiante no sucesso da equipe, Alexi Portela agora espera que o torcedor do Vitória abrace o time. "A torcida sempre reclamava de que nós não estávamos contratando e agora estamos trazendo jogadores a nível de seleção, como o Cáceres do Paraguai. Nós não temos dinheiro em caixa e estamos fazendo a vontade do torcedor, confiando na torcida. Nossa parte a gente está fazendo", ponderou. Além de casa cheia nos jogos do time, o presidente espera que o número de sócios dobre, chegando até 25 mil, até o fim do ano com a chegada do "Movimento por um futebol melhor".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]