Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

As adenoides são duas pequenas glândulas compostas por tecido linfoide, semelhantes às amígdalas e aos linfonodos. As adenoides crescem durante a infância e começam a regredir ao redor dos 8 anos de idade. Quando elas crescem muito, podem causar obstrução da passagem do ar respirado pelo nariz.

Toda criança tem adenoide. Como acabamos de explicar, adenoide não é o nome de uma doença, mas sim uma glândula que todo ser humano possui durante a infância.

Os problemas com as adenoides surgem quando estas crescem demais e passam a obstruir a passagem de ar pela cavidade nasal. As adenoides grandes são conhecidas popularmente como “carne esponjosa”. O termo médico correto é hipertrofia das adenoides.

As adenoides se tornam hipertrofiadas geralmente em crianças com repetidas infecções de garganta. É comum a inflamação da glândula, chamada adenoidite, vir acompanhada de amigdalites e faringite (leia: DOR DE GARGANTA | FARINGITE | AMIGDALITE).

Crianças com hipertrofia das adenoides e/ou adenoidite de repetição costumam apresentar, além dos sintomas de dificuldade respiratória que serão explicados mais à frente, quadros de otite média de repetição, sinusite crônica (leia: SINUSITE | Sintomas e tratamento) e rinite persistente (leia: RINITE ALÉRGICA | Sintomas e tratamento).

O único tratamento para as adenoides grandes é a cirurgia, chamada adenoidectomia. Como as adenoides regridem espontaneamente com o tempo, a indicação da cirurgia tem que ser bem feita, pesando os riscos cirúrgicos com as complicações causadas pela obstrução das vias aéreas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]