Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]



Texto e Fotos: Edinei Dantas

Um Plano Diretor de Metas da Corporação, contendo direcionamentos de ações da Polícia Militar da Bahia para o período de 2015 a 2018, foi estabelecido e apresentado pelo comandante geral coronel Anselmo Brandão, aos coronéis da corporação. Destacam-se a proteção incondicional à vida e o respeito ao cidadão e ao policial militar; fortalecimento da filosofia moral, valorização dos policiais; reaparelhamento e modernização do modelo de gestão do serviço de policiamento ostensivo; fortalecimento da corregedoria e controle interno, bem como a reconstrução da arquitetura organizacional e da imagem da instituição.

As diretrizes foram divididas por projetos e por área de atuação, e pretendem prover os serviços de policiamento ostensivo e preventivo necessários para garantir a Segurança Pública em todo o Estado da Bahia, dentro do Planejamento Estratégico Governamental para a área de Segurança e alinhado ao Programa Pacto Pela Vida.

 “Dentro da diretriz de proteção à vida, respeito ao cidadão e ao policial militar, visamos consolidar a política de baixa letalidade na ação policial e o fortalecimento da atenção ao cidadão na prestação do Serviço de Policiamento Ostensivo Comunitário, não perdendo de vista a proteção ao policial no exercício da sua função e fora dela”, salienta o comandante geral.

O Coronel Anselmo reforça ainda que espera consolidar a postura e atitude ética na execução do Serviço de Policiamento Ostensivo Preventivo, promovendo uma ação qualificada e que valorize o profissional em todas as suas dimensões. “Está em nossos planos ampliar o número de Creches nas Unidades da PM, proporcionar ao PM uma moradia digna e segura, fortalecer ações e projetos existentes como o Maria Filipa, PROERD, Coral e Grupo Teatral PM, além de aumentar a oferta de vagas para filhos de policiais militares nos CPMs, e a garantia da segurança jurídica na defesa dos direitos do policial militar em situações de serviço ou de folga”, completou o comandante geral.

No âmbito do reaparelhamento e modernização do modelo de gestão do serviço de policiamento ostensivo, o que se pretende é implantar postos móveis de polícia comunitária (prosseguimento do Projeto Policia Cidadã) nas áreas, conforme análise de riscos. A nova estratégia da PM prevê um redesenho do serviço policial a ser ofertado à população, no qual busca-se intensificar ainda o combate e prevenção aos crimes contra instituições financeiras.


Com o slogan, “PM e Comunidade na corrente do bem”, o comando intensifica as ações preventivas integradas com os demais órgãos da Segurança Pública e com a parceria da comunidade, para a proteção do patrimônio e principalmente do bem maior: a vida.

Curta e compartilhe nossa Fanpage e saiba mais:
Facebook.com/sitejornalisando
Whats App do Jornalisando - (071) 9173-0042

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]