Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]






Por Edinei Dantas

“As mentes pensantes” não conseguem entender que o problema não está dentro dos estádios e que, enquanto houver torcida organizada, nos moldes de facções criminosas, vai continuar acontecendo este tipo de violência.

Muitas horas antes a bola rolar, em duas localidades completamente fora das imediações do Barradão, dois atentados criminosos aumentaram negativamente a tensão para o BAVI das 16 horas.
No Tororó um veículo teria parado em frente a sede da Bamor e deflagrado tiros. Três torcedores do Bahia foram atingidos.

Logo em seguida um suposto revide teria acontecido em Paripe. Indivíduos coma camisa do Bahia chegaram gritando “Aqui é Bamor” em dois veículos e uma moto. O indivíduo da moto teria disparado arma de fogo contra uma pessoa com a camisa do Vitória, que foi socorrida por populares para o Hospital do Subúrbio.

Quando isso vai acabar? Por pouco não dei meia volta, mas vamos em frente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]