Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]

 

Por Edinei Dantas

 

A TV lá de casa estava ligada no SBT no exato momento em que Silvio Santos, apresentando o Troféu Imprensa, entregava o prêmio de melhor jornalista para Raquel Sheherazade, âncora do SBT Notícias. Eu não estava muito interessado e, por isso, olhava só de relance, sem muita atenção. Talvez por conta disso, vi como brincadeira o momento em que Sílvio Santos fala: “você não foi contratada para opinar e sim para ler as notícias”. (xeeepu)

 

 

Minha sensação era reforçada pelo jeito escrachado de Sílvio ao falar. Já não o acompanho há algum tempo, mas ouço muito se dizer que ele largou o freio de mão. Fala o que der na telha e brinca com tudo. Inclusive, logo em seguida, insinua que a jornalista tentou namorar o humorista Danilo Gentili, mas que o cara havia a rejeitado. Ela rebateu dizendo que é Noiva. Ora! Só poderia ser mais uma brincadeira do Silvio, um fanfarrão. Até porque, se ele realmente estiver insatisfeito com a atuação dela no Jornal, tem todo poder de assinar sua demissão, e um abraço. Porém ontem e hoje tenho visto que o fato gerou polêmica e todos demonstram ter levado a sério a bronca de Silvio Santos na Sheherazade. Mas as críticas citam apenas o constrangimento pela bronca do patrão na funcionária em rede nacional.

 

 

Pois bem! Digamos que realmente ele tenha falado sério e aproveitado um momento de festa para dar uma queimada nacional em uma das funcionárias que mais lhe rende audiência. Eu fui rever o vídeo e encontrei uma fala muito mais grave, e que não vi ninguém a referir, sobretudo neste momento de luta antimachista. Além da bronca, o dono do SBT arrota machismo ao afirmar: “chamei você para, com sua beleza e sua voz, ler as notícias do teleprompter (equipamento que mostra o texto a ser lido pelos apresentadores)”. Quer dizer, aquela velha história de que não importa o que a mulher saiba ou não fazer, basta ser bonita e, em alguns casos, saber ler e falar, que está aprovada para o cargo.

 

 

De que adiantaram os quatro anos de curso de jornalismo e diversos outros investimentos em especializações? Dinheiro e tempo jogados fora. Para ser âncora do “Jornal Nacional do SBT”, basta ser bonita, saber ler e falar. E se você sabe algo mais, é humilhada em rede nacional para aprender a ser básica.

 

 


Maaais que absuuuuurrrdo Siillllvioooooo, diria Lombardi se vivo estivesse!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]