Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]



Por Edinei Dantas

Não é só o Vitória que surpreende com excelentes campanhas de marketing social, que já até rendeu prêmio internacional. Para quem não lembra, recentemente o Rubro Negro baiano foi destaque nacional com as campanhas de doação de sangue, ao retirar o vermelho tradicional do seu uniforme, repondo conforme as bolsas de sangue de Salvador eram preenchidas. No ano seguinte voltou a se destacar com a campanha de doação de órgãos, quando, durante os jogos, os jogadores substituídos retiravam o escudo da camisa e colocavam na camisa do jogador que entrava, simbolizando a doação de órgãos.


Nesta semana tomei conhecimento através do programa Encontro com Fátima Bernardes, de uma excelente campanha social do Sport-Re, coincidentemente também um clube de futebol nordestino, rubro negro, e que tem como mascote um Leão. Deve ser pré-requisito para ser inteligente estas características. A campanha foi lançada em 2015 e já possibilitou a adoção de 19 das 49 crianças cadastradas, todas com mais de 7 anos de idade.

O Projeto Adote um Pequeno Torcedor – Uma paixão em comum pode virar um amor para a vida toda - foi lançada em parceria com a 2ª Vara da Infância e da Juventude de Recife. Através dele o clube está reunindo e divulgando jovens torcedores do Sport, acima de 7 anos, disponíveis para adoção, a fim de que os torcedores do clube possam adotá-los.

O site oficial do projeto conclama as adoções com o seguinte texto: “filhos de todas as idades levam alegria, carinho e amor para dentro de casa. Em Recife, são dezenas de crianças acima de 7 anos que estão procurando uma família. Elas já podem ser adotadas e torcem para o Sport, assim como você. Foi por causa desta garotada que criamos o projeto Adote um Torcedor, o primeiro programa de adoção apoiado por um time de futebol. Através dele, vamos ajudar "crianças mais velhas" a encontrarem uma família. E a paixão pelo Sport será a primeira conexão entre futuros pais e filhos.”


Entre as formas de divulgação destes adotáveis, o Sport os leva para os jogos e grava vídeos que são disseminados, alertando para a necessidade da adoção. Foi num desses vídeos que o jovem Willians foi adotado aos 18 anos por uma família de torcedores do Sport. O site www.adoteumpequenotorcedor.com ainda tira dúvidas sobre adoção e divulga crianças que torcem para outros clubes como do rival Santa Cruz. Inclusive, dos quatro torcedores da Cobra Coral cadastrados na campanha, um garoto já foi adotado.

Assim como o Vitória, o Sport também já havia tido divulgação nacional em 2013 por uma campanha de doação de órgãos, que elevou em mais de 50% as doações em Recife.

Que sirva de exemplo para outros clubes e que uma campanha como esta chegue também aqui na Bahia. Esse tipo de plágio é sempre muito bem vindo.






Curta nossa fanpage: facebook.com/sitejornalisando

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]