Full width home advertisement

Post Page Advertisement [Top]


Por Edinei Dantas



Com o objetivo de esclarecer os fatos sobre uma suposta ação ilegal contra um policial militar por uma guarnição da Guarda Municipal de Salvador- GM, durante o carnaval deste ano, diretores da APPM-BA se reuniram com o superintendente do órgão municipal, CEL PM R/R Francisco Edson de Araújo, na manhã da última sexta-feira, 1°.



"Tratamos de vários assuntos inclusive o incidente do Carnaval. Solicitamos que fossem adotadas providências para coibir excessos praticados por agentes da Guarda Municipal e melhor conhecimentos das leis", informou o presidente do conselho administrativo da associação de Praças, Agnaldo Pinto de Sousa. Também participaram do encontro o vice-presidente Roque Santos, o Presidente da Comissão Fiscal Antonio Jorge de Oliveira, o Secretário Geral Adroaldo Francisco Alves e o Diretor Jurídico Ueslei Carvalho dos Santos. "A reunião foi bastante produtiva e o Cel Edson se comprometeu a tomar as medidas cabíveis e a realizar palestras para que as instituições caminhem juntas em defesa da sociedade", acrescentou Roque Santos.



Entenda o caso - Em visita à Corregedoria da PMBA, no dia 22 fevereiro, para esclarecer um suposto ato de desrespeito a policiais militares da 81 CIPM, diretores da APPM-BA foram informados que no carnaval um Policial Militar haveria sido preso por uma guarnição da Guarda Municipal e conduzido para o Quartel do Comando Geral – QCG, por estar portando uma arma da corporação, mesmo tento ele autorização para tal.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bottom Ad [Post Page]